O SEGREDO DAS LINGUAS l O curso de língua estrangeira ainda pode fazer parte da sua vida.

Pronomes objeto em inglês

pronome objeto

Hoje vamos aprender sobre pronomes objeto em inglês. Veremos o que eles são, para que eles servem e quando usá-los. Encontre todas essas respostas nesse texto.

Leia também: Como aprender inglês depois de adulto?

Pronomes objeto em inglês: o quê são?

Para entender como funcionam os pronomes objeto em inglês primeiramente você tem que se lembrar dos pronomes pessoais do caso reto. Esses pronomes são utilizados em situações nas quais nós precisamos de um sujeito.

O sujeito de uma frase são os que ocupam a posição de quem faz uma ação na frase. Quando falamos “I study Enhlish”, o “I” aqui indica que é ele que performa a ação.

Se falarmos “We study English”, estamos indicando que quem faz a ação é “we”.

Perceba então que a posição de sujeito pode ser trocada por qualquer outro agente de uma ação. Pode ser “you”, “Mary”, “Joe” ou qualquer outra palavra que pode ocupar a posição de sujeito.

Os pronomes objeto ocupam a posição de “objeto direto”. Diferente do sujeito , o objeto direto é para quem a ação se destina. No caso da frase acima “English” é objeto porque o verbo é direcionado a “English”.

O pronome objeto então seria uma palavra que você usa para substituir o objeto direto quando ele é representado por uma pessoa. Vamos ver em português primeiro:

Eu ajudei o João.

Eu ajudei-o.

Perceba que na sentença “Eu ajudei o João” quem recebe a ação é o “o João” portanto ele é o objeto direto. Na segunda sentença o que eu fiz foi substituir “João” por um pronome. Em português esse pronome é “o”.

A função do pronome é exatamente essa: a de substituir um nome que ocupa a posição de objeto direto. Como tanto no inglês quanto no português você não pode ter pronome pessoal reto ocupando a posição de objeto, você tem que substituí-lo por pronomes objeto:

Eu ajudei ele (errado gramaticalmente, apesar das pessoas falarem assim)

Eu ajudei-o. (opção correta)

I helped he (errado)

I helped him (certo)

Ficou claro agora? Os pronomes objeto serão usados depois de verbos para indicar quem sofreu uma ação. 

Uma outra opção é que esses pronomes também podem ser objeto de preposição. Portanto, depois da preposição também usamos esses pronomes. Veja:

Are you coming with we? (errado)

Are you coming with us? (certo)

Pronome sujeitoPronome objeto
IMe
YouYou
HeHim
SheHer
ItIt
WeUs
YouYou
TheyThem

Objeto indireto

Vamos agora falar de objeto indireto. Para compreender os pronomes objeto em inglês também devemos entender de objeto indireto.

O objeto indireto é para onde a ação é direcionada. Por exemplo:

Ela deu o presente para mim.

Então, “o presente” é objeto direto e “mim” indireto. Isso porque a ação de dar algo foi direcionada para mim. Como no inglês, temos duas opções aqui:

Ela me deu o presente ou ela deu o presente para mim

Acontece que no inglês não teremos a diferença entre “me” e “mim” com formas diferentes como acontece em o português. No inglês é tudo “me”. Ou seja, os pronomes objeto direto e indireto são iguais. E a posição do objeto direto é invertido, ele vem sempre vem depois do verbo e é seguido do objeto direto:

She gave me the present (ela me deu o presente)

Então todos os pronomes da tabela acima, podem ser usados como objeto indireto igualmente. Você tem uma segunda opção de construção da frase que é:

She gave the present to me

Porém, como explicado acima “me” nesse caso é objeto de preposição e não objeto indireto. Para ser objeto indireto ele tem que vir depois do verbo e antes do objeto direto. 

Espero que toda essa confusão com pronomes objeto em inglês e em português tenha ficado clara! Agora, por que não vê outros posts com questões importantes sobre o inglês?

Pronomes objeto em inglês: quando usar?

Para resumir tudo o que dissemos acima, vamos ver que pronomes objeto serão utilizados para substituir o objeto direto e o indireto em inglês. O objeto direto vem como quem sofre uma ação e o indireto é para onde a ação é direcionada.

No inglês esses pronomes vão substituir as posições de: depois do verbo e depois de preposição. Lembrando que o objeto indireto vem sempre antes do direto. Vejam alguns exemplos:

Elizabeth does not like me. (Elizabeth não gosta de mim.)

My sister called you last week. (Minha irmã te ligou semana passada.)

Tom took him to work on Tuesday. (Tom o levou para o trabalho na terça-feira.)

I like this film. I saw it last month. (Eu gosto deste filme. Eu o assisti no mês passado.)

Mara always writes letters to us. (Mara sempre nos escreve cartas.)

They bought her many gifts. (Eles compraram muitos presentes para ela.)

He told them the truth. (Ele disse-lhes a verdade.)

Exercícios

A. Read the text below and answer the questions:

Birthday Traditions Around the World: Celebrations of a Lifetime

By Michele Meleen M.S.Ed.

Celebrating another trip around the sun for loved ones is a timeless tradition for many. Everyone loves a good birthday celebration. While celebrating another magical year of life is common throughout the world, how people celebrate birthdays varies greatly. From singing around a cake and candles in the United States to slurping long noodles in China, there are many fascinating birthday traditions worldwide.

Birthdays in the United States

According to an article by ABC News, the most common birthday in the United States is October fifth. Just how are all those Americans going to celebrate their birthday? In the USA, the focus is on celebrating the birthday with the person’s friends and family.

Get Your Party On

A birthday party celebration adorned with balloons, streamers, and other festive decorations is common in the states. Some people are also make or buy a cake for their birthday. Candles are placed on top of the cake, one candle for each year of the person’s life to represent their age. You light the candles, and as you do it, people sing Happy Birthday to You. The birthday person makes a wish and tries to blow out all the candles on one try. If the candles are all blown out, then the wish will “come true.”

Gifts are a Go

[…] Gifts are personal to the person receiving the item and can include things like gift cards, favorite fragrances, and hobby items. Gifts are sometimes opened during the party, but are also sometimes opened after the guests departed. Etiquette encourages the birthday boy/girl to send a message of thanks to the people who sent them gifts.

History

[…] The ancient Egyptians referenced the event, and the Greeks added candles to the mix, and the ancient Romans brought birthdays to the commoner. The iconic song, Happy Birthday to You, was first written in the late 1800s, although there is a dispute over who actually wrote and owns the copyright to the song. Americans also enjoy celebrating the birthdays of famous people throughout the country’s history, including Martin Luther King, Jr. (civil rights leader), George Washington (first president), and even the nation’s birthday on July 4th. The birthday of a famous person in history might mean you get the day off from school or work.

Adapted from: https://family.lovetoknow.com/cultural-heritage-symbols/birthday-traditions-around-world

  1. Look up the meaning of the words and expressions in bold.
  2. How do Americans adorn their house for birthdays?
  3. How many candles do you put on the cake?
  4. Why does the birthday person try to blow out all the candles at once?
  5. What do Americnas give to the birthday person as a gift? After you receive a gift, what does the etiquette encourage you to do? 
  6. Who added candles to the birthday celebration? 
  7. Why is the song Happy Birthday being disputed?

B. (Udesc/2010)

Touched by An Angel (By Maya Angelou)

We, unaccustomed to courage

exiles from delight

live coiled in shells of loneliness

until love leaves its high holy temple

and comes into our sight

to liberate us into life.

Love arrives

and in its train come ecstasies

old memories of pleasure

ancient histories of pain.

Yet if we are bold,

love strikes away the chains of fear

from our souls.

We are weaned from our timidity

In the flush of love’s light

we dare be brave

And suddenly we see

that love costs all we are

and will ever be.

Yet it is only love

which sets us free.

The words “We” (line 1), “our” (line 5), “us” (line 6), are consecutively:

a) personal pronoun, reflexive pronoun, object pronoun.

b) object pronoun, possessive adjective, personal pronoun.

c) object pronoun, personal pronoun, possessive adjective.

d) personal pronoun, reflexive pronoun, possessive adjective.

e) personal pronoun, possessive adjective, object pronoun.

C. (UEMG/2012) In the sentence “All over the globe are historical mysteries left to us by the ancient world”, the word “us” is

a) a personal subject pronoun.

b) a personal object pronoun.

c) a possessive adjective pronoun.

d) none of the above.

D. (UPE/2014)

THE BIRTH OF THE INTERNET: A HISTORICAL FEAT

In 1969 the world had its eyes turned to what was undoubtedly to become a historical feat: the first human being setting foot on the moon. However, in that same year something else of much importance was happening as well: the Internet was coming into being.

Usually when we think of a historical feat, we think of something big, like the first voyage to the moon. But more often than not, we find that the most meaningful events in history spring from what is viewed in their time as an unimportant fact. A case in point is exactly what the figure above represents: the birth of the Internet.

It is difficult to pinpoint the exact moment when the Internet was born. The World Wide Web is indeed the result of a number of interrelated events that can be traced back to the first artificial satellite –the Russian (then Soviet) Sputnik – being put into orbit around the earth back in the 1950’s. But it was in l969 that “… four host computers were connected together into the initial ARPANET, and the budding Internet was off the ground”. The diagram above shows the first four places ever linked via the Internet which was then called the ARPANET. They are US organizations: the University of California Los Angeles (UCLA), Stanford Research Institute (SRI), the University of California Santa Barbara (UCSB) and the University of Utah (UTAH).

Little by little the Internet started spreading everywhere because of new technological advancements and today it is so important that our lives would not be the same without it. Of course going to the moon was an extremely important event as well, a real historical feat, but the birth of the Internet has proved to be the most significant historical fact, and feat, in the recent past of the history of mankind.

(MITRANO-NETO, N; LOUREIRO, M; ANTUNES, Alice M. Insight. Richmond Publishing Editora. São Paulo, 2004. Adaptado.)

Analyzing the word “it” in the last paragraph, we can say that

a) both are related to “Internet”.

b) the first “it” is related to “everywhere”.

c) the second “it” is related to “lives”.

d) the first “it” is related to a preposition.

e) the second “it” is related to a verb.

Respostas:

A.

Look up the meaning of the words and expressions in bold.

How do Americans adorn their house for birthdays?

Americans adon their houses with balloons, streamers and festive decorations.

How many candles do you put on the cake?You put one candle for each year of the person’s life to represent their age

Why does the birthday person try to blow out all the candles at once?

Because your wish will come true.

What do Americnas give to the birthday person as gift? After you receive a gift, what does the etiquette encourages you to do?

Gifts are personal to the person receiving the item and can include things like gift cards, favorite fragrances, and hobby items. The etiquette encourages you to write a thank-you message.

Who added candles to the birthday celebration? 

The Greeks.

Why is the song Happy Birthday being disputed?

Because nobody knows who owns the rights to the song.

B.e

C.b

D.a

Mais artigos do

Blog SDL

Como se tornar fluente em Inglês

Como se tornar fluente em Inglês

A fluência no idioma inglês pode abrir portas para você, seja para interagir com outros na globalização, para melhorar sua carreira ou simplesmente para aprender sobre outras culturas.